fbpx

Seis jovens musicistas do Conservatório de Tatuí embarcam para intercâmbio de dez meses

Programa MOVE é uma parceria entre a Sustenidos Organização Social de Cultura e a JMI – Jeunesses Musicales International, instituição com sede na Bélgica que fomenta programas musicais em cerca de 70 países, e estimula a troca de experiência de jovens músicos

Realizado no Brasil desde 2015, a partir de 2022, alunos e ex-alunos do Conservatório de Tatuí, de 18 a 25 anos, puderam se inscrever para participar do programa de intercâmbio MOVE. Foram selecionados seis jovens brasileiros(as) que irão atuar voluntariamente no Malawi, em Moçambique (África) e na Noruega (Europa) no período de setembro de 2022 a junho de 2023.

Os intercambistas participarão do curso preparatório e do Youth Camp, ambos realizados na África do Sul no mês de agosto e, após a citada capacitação, seguirão para os países / locais do intercâmbio.

“O MOVE é um projeto muito rico para a organização. Todos os participantes que a gente acompanhou ao longo dos anos voltaram totalmente transformados dessa experiência. Em cada um dos países, se convive com essas quatro culturas e, durante esses dez meses, a gente detecta um crescimento pessoal e profissional muito grande de quem participa.” afirma Alessandra Costa, diretora executiva da Sustenidos.

Alguns/algumas candidatos(as) selecionados(as) participarão de atividades programadas pela Music Crossroads Malawi e pela Music Crossroads Moçambique, entidades sem fins lucrativos sediadas nas localidades de Lilongwe (capital do Malawi) e Maputo (capital de Moçambique) e que atuam em rede, como membros da JMI – Jeunesses Musicales Internacional, desde 2010. No Malawi e em Moçambique, o programa de voluntariado poderá ser realizado por meio da participação em festivais de música, workshops e capacitações em áreas da música, saúde, cultura e em questões sociais.

“Eu estudo música desde criança, o que dá um total de 16 anos de estudo. A gente sempre olha e pensa que não tem oportunidade na música. Eu sempre trabalhei em outros lugares que não tinham vínculo com a música para poder me sustentar. A música já é muito difícil para quem tem estudo, imagina para quem nem terminou? Então, para a gente que ainda está no Conservatório ou em uma faculdade nunca é o suficiente. Mesmo que você tenha uma pós-graduação ainda não é o suficiente hoje em dia no Brasil. O MOVE abre essa porta e é surreal porque não é só a música e não é só o voluntariado, é saber que, saindo do país, você vai ter mais de uma língua, então são muitas oportunidades.” Thauane Machado, 21 anos, estuda flauta transversal e está indo para o Malawi.

Outros candidatos(as) selecionados(as) atuarão como voluntários(as) na Trøndertun Folkehøyskole, uma escola secundária pública de artes da Noruega, situada na localidade de Trøndheim e incluída como parceira da JM Norway em 2015. Esta instituição oferece cursos de pop, rock, engenharia de som e dança e o programa de voluntariado poderá ser realizado por meio de participação em festivais, em espetáculos, em instituições para idosos e crianças, entre outras atividades.

“Eu estou morando em São Paulo há quase cinco anos e eu ainda não estava completamente habituada à ideia de que hoje eu trabalho e vivo como musicista. Não era uma coisa que eu acreditava que daria certo. Hoje, eu vejo que as minhas escolhas resultaram em eu poder fazer um intercâmbio na Noruega por causa da música. Então, eu entendo que os caminhos mesmo que tortuosos têm um fim legal, sabe?” Andresa Rassis, 25, estuda saxofone popular e está indo para Noruega.

No MOVE, o conhecimento e as habilidades dos(as) intercambistas são valorizados para as atividades cotidianas das instituições. As instituições parceiras garantem a elaboração de programas específicos de atuação para cada intercambista, enfatizando as necessidades e as competências individuais.

Kyton é o vencedor do Imagine Brazil 2022

No último dia 03 de julho, aconteceu a final do Imagine Brazil 2022, no Teatro Procópio Ferreira, no Conservatório de Tatuí.

Marco Antônio Men Batista Barbosa, musicista e compositor conhecido como Kyton , de 17 anos, foi o vencedor desta edição e representará o Brasil na grande final do Imagine, que acontecerá no próximo semestre, na Europa. O Quarteto Mangaio, que possui em seu repertório versões de standards de jazz e de música brasileira, ficou em segundo lugar, e o folk do jovem músico DUMONT conquistou os jurados e ganhou a terceira colocação.

Musicou terá cursos de férias em julho

A música proporciona um reconhecer, um sentido de pertencimento, tanto quando evoca memórias em cada sujeito, como quando confere sentimento de pertencimento a uma região, a um país, a um grupo, a uma época. Ao atravessar tempos e espaços, consolida memórias e referencia identidades. É uma maneira incrível de se relacionar com o mundo, de forma espontânea e lúdica, independente da faixa etária dos envolvidos.

Em julho, o Musicou oferecerá Cursos de Férias, com aulas gratuitas e coletivas para crianças, adolescentes e famílias. Voltado para alunas e alunos inscritos no Musicou, também podem fazer os cursos o público geral, de todas as idades. Não é necessário ter instrumento musical para participar.

Confira os cursos disponíveis:

Núcleo Porecatu

Curso: Canções Brasileiras

Numa grande prática de conjunto, com as vozes e instrumentos reunidos, o curso visa promover um ambiente de encontro e descontração, por meio da prática musical. O repertório escolhido foram as canções Asa Branca, Xote das Meninas e Que nem Jiló.

As oficinas serão divididas em duas partes:

Aula direcionada aos naipes (01h20 min)

Intervalo (20 min)

Aula reunindo todos os participantes (01h20 min)

Quando: dias 11, 13, 18 e 20 de julho, às segundas e quartas-feiras

Horário: das 14h30 às 17h30

Idade: a partir de 08 anos   

Vagas: 30 (10 vagas de Violão; 10 vagas de canto coral; 10 vagas de percussão)

Professores: João Lucas Ribeiro, Gabriel Ribeiro e Jackson Batista

Inscrições: Núcleo Porecatu (Biblioteca Municipal) | Rua Brasil, 20 | 2ª a 6ª, das 13h às 17h

Curso: No balanço da Peneira

Nos interiores do Brasil, ainda hoje, podemos encontrar vivos na voz de trabalhadores rurais, os cantos que acompanhavam o ritmo dos trabalhos, diminuindo o esforço da lida e proporcionando momentos de confraternização, alegria e solidariedade.

Renata Mattar vem visitando, desde 1999, pequenas comunidades em busca desses cantos, com o objetivo de registrá-los e divulgá-los em forma de cds, espetáculos e oficinas de formação para educadores com a intenção de que este repertório chegue até as crianças.

Na oficina “No balanço da peneira” a proposta é realizar com alunos e educadores uma vivência integral desses cantos, trazendo os movimentos, brincadeiras, histórias e versos que os acompanham.

No repertório estarão presentes cantos que são acompanhados da rítmica do próprio instrumento de trabalho, como o pilão ou o remo, cantigas de roda de verso, cantigas responsoriais, que permitem o jogo melódico de pergunta e resposta, brincadeiras cantadas que nasceram dentro do contexto de trabalhadores rurais, entre outras.

Quando: dia 28 de julho, quinta-feira

Horário: das 13h30 às 15h30

Vagas: 40 vagas

Curso aberto à comunidade, voltado a todas as idades.

Professora convidada: Renata Mattar

Inscrições: Núcleo Porecatu (Biblioteca Municipal) | Rua Brasil, 20 | 2ª a 6ª, das 13h às 17h

Núcleo Andirá

Curso: Julho Brasileiro

A proposta do curso é oferecer uma imersão na música brasileira, apresentando ritmos e canções característicos de nossas regiões, os quais serão cantados, tocados e contextualizados, criando um ambiente de encontro e reflexão sobre a nossa cultura.

As oficinas serão divididas em duas partes:

Aula direcionada aos naipes com cada educador (01h20 min)

Intervalo (20 min)

Aula reunindo todos os participantes e educadores (01h20 min)

Quando: dias 12, 14, 19, 21 de julho, terças e quintas-feiras

Horário: das 13h30 às 16h30

Vagas: Canto coral (30 vagas) | Jovens e adultos, a partir de 18 anos

Violão (15 vagas) | Idade: de 8 a 18 anos

Percussão (10 vagas) | Idade: de 8 a 18 anos

Professores: Guilherme Rubim Barros, Letícia Menegasso e Paulo Henrique Antonini

Inscrições: Núcleo Andirá (Centro do Trabalhador) | Rua Odorico Domingues, s/n, Vila Americana | 2ª a 6ª, das 13h às 17h

Curso: No balanço da Peneira

Nos interiores do Brasil, ainda hoje, podemos encontrar vivos na voz de trabalhadores rurais, os cantos que acompanhavam o ritmo dos trabalhos, diminuindo o esforço da lida e proporcionando momentos de confraternização, alegria e solidariedade.

Renata Mattar vem visitando, desde 1999, pequenas comunidades em busca desses cantos, com o objetivo de registrá-los e divulgá-los em forma de cds, espetáculos e oficinas de formação para educadores com a intenção de que este repertório chegue até as crianças.

Na oficina “No balanço da peneira” a proposta é realizar com alunos e educadores uma vivência integral desses cantos, trazendo os movimentos, brincadeiras, histórias e versos que os acompanham.

No repertório estarão presentes cantos que são acompanhados da rítmica do próprio instrumento de trabalho, como o pilão ou o remo, cantigas de roda de verso, cantigas responsoriais, que permitem o jogo melódico de pergunta e resposta, brincadeiras cantadas que nasceram dentro do contexto de trabalhadores rurais, entre outras.

Quando: dia 27 de julho, quarta-feira

Horário: das 13h30 às 15h30

Vagas: 40

Curso aberto à comunidade, voltado ao púbico de todas as idades.

Professora convidada: Renata Mattar

Inscrições: Núcleo Andirá (Centro do Trabalhador) | Rua Odorico Domingues, s/n, Vila Americana | 2ª a 6ª, das 13h às 17h

Três Lagoas

Curso: Cantando e Tocando Viola

A proposta do curso é oferecer, por meio da realização de uma série de práticas musicais e rodas de conversas e práticas musicais significativas, o despertar da curiosidade pelo fazer musical sensível, criativo e significativo, oferecer condições diversificadas de aprendizagem, de socialização e acima de tudo, de inclusão social dos participantes.

Quando: dias 11, 13, 18 e 20 de julho, segundas e quartas-feiras

Horário: das 15:30 às 16h ou das 16hs às 17:30

Vagas: 15

1ª turma: das 15h30 às 16h00 – 15 vagas. Idade de 8 a 16 anos

2ª turma: das 16h às 17h30 – 15 vagas. Jovens e adultos a partir de 16 anos

Professor: Everton de Oliveira Fernandes.

Inscrições: Núcleo Três Lagoas (Antiga Estação Ferroviária) | Av. Rosário Congro, 560, Centro | 2ª a 6ª, das 15h às 19h

Fortaleza

Curso: Oficina de Percussão e Rítmica com base no Ijexá

As oficinas irão contar com jogos de musicalização visando o desenvolvimento rítmico, buscando ampliar a compreensão de pulso, compasso e divisões rítmicas, sendo que essa estrutura será baseada no ritmo afro-brasileiro Ijexá, trazendo seu movimento e sua alegria para os presentes e nesse estudo percussivo coletivo serão utilizados os instrumentos que dão base e corpo ao ritmo.

Quando: dias 12, 14, 19 e 21 de julho, terças e quintas-feiras, na Sala Morro do Ouro

Horário: das 13:30h às 16h30

Idade: jovens e adultos, a partir de 12 anos

Vagas: 20

Professores: Rafael Vieira Barros e Francisco Anderson Vieira de Almeida

Inscrições: Núcleo Fortaleza (Theatro José de Alencar) | Rua Liberato Barroso, 525, Centro | 2ª a 6ª, das 13h às 17h

Curso:  Canto Coletivo – Convidando a Cantar!

A oficina busca promover a prática e expressão vocal dos(as) participantes, por meio de técnicas dirigidas, propostas de exercícios de improvisação, experimentação de possibilidades da voz, recursos e sonoridades e a aprendizagem de canções brasileiras e de outras culturas.

Emprestando as palavras do maestro Samuel Kerr: “É preciso recuperar a capacidade das pessoas de fazer música independentemente se elas sabem ou não cantar… Convidar a cantar!”, cantar em grupo é experimentar o processo de construção da voz individual e coletiva. É o espaço para o aprimoramento técnico da voz, mas também lugar de cuidado com a sensibilidade das pessoas. Em tempos de distanciamento, a voz se apresenta como ferramenta possível de conexão, com o outro e consigo mesmo. Os encontros-ensaios são momentos de convívio e de fazer música, valorizando o ritmo, melodia, o improviso, a percepção entre outros aspectos. Aprender a cantar é benéfico e terapêutico, aprimora a percepção de si mesmo, a confiança e a escuta do outro. Por essas razões, eis aqui esse convite.

Quando: dias 12, 14, 19 e 21 de julho, terças e quintas-feiras, na Sala Hugo Bianchi.

Horário: das 15h às 16h ou das 16h às 17h

Vagas: 30

1ª turma: das 15h às 16h – 15 vagas. Idade de 8 a 16 anos

2ª turma: das 16h às 17h – 15 vagas. Jovens e adultos a partir de 16 anos

Professor: Antônio Claudio De Meneses Bittencourt

Inscrições: Núcleo Fortaleza (Theatro José de Alencar) | Rua Liberato Barroso, 525, Centro | 2ª a 6ª, das 13h às 17h

Curso: Processos Criativos

Voltado à educadores musicais, alunos (as) do projeto Musicou e demais interessados(as), o curso promoverá aos participantes um novo olhar sobre a exploração sonora e suas possibilidades expressivas e musicais.

Os participantes serão incentivados a explorar musicalmente os sons de objetos encontrados no local, instrumentos musicais e do próprio corpo e voz. A partir das sonoridades descobertas, por meio de diferentes combinações, e de uma escuta atenta, serão criadas composições coletivas.

Quando: dias 26 e 28 de julho, terça e quinta-feira

Horário: das 13h30 às 16h30

Idade: crianças a partir de 6 anos, adolescentes, jovens e adultos

Vagas: 40

Professores: João Alves Jr e Rosana Massuela

Inscrições: Núcleo Fortaleza (Theatro José de Alencar) | Rua Liberato Barroso, 525, Centro | 2ª a 6ª, das 13h às 17h

Agradecemos aos nossos patrocinadores que apoiam o Projeto MUSICOU:

Patrocinadores Diamante: Nubank, CTG Brasil, Bayer Brasil, Grupo Maringá, Sulamérica

Apoio: Visa

Conservatório de Tatuí recebe a final do Imagine Brazil 2022

No próximo sábado, dia 03 de julho de 2022, a partir das 18h, dez finalistas do Imagine Brazil 2022 se apresentarão no Teatro Procópio Ferreira, no Conservatório de Tatuí, concorrendo a uma vaga na disputa internacional do festival, que acontece no segundo semestre, na Europa.

A entrada no evento é gratuita e aberta ao público.

Conheça os finalistas:

BENTO TIBÚRCIO E YAGO ARAÚJO | Instrumental/Choro

Bento Tibúrcio e Yago Araújo tem 17 e 15 anos e são estudantes de música em Brasília, no Distrito Federal. Bento vem de uma família de músicos, e já teve a oportunidade de estar no palco tocando com Hamilton de Holanda (seu tio), Fernando César (seu pai), Michael Pipoquinha, Ian Coury, entre outros.

CAINÃ MENDONÇA | Instrumental/MPB

Baterista e pianista, Cainã passou a infância presenciando e participando de diversas atividades musicais, apresentações e gravações em estúdio. Ganhou uma pequena bateria aos 2 anos e logo se encantou pela música de João Bosco, Beatles, Zé Menezes, música popular e instrumental brasileira. Teve em casa, junto à família e amigos, ambiente e formação musical, tendo tido contato com grandes instrumentistas e vivência direta com grupos de cultura regional do Maranhão (boi e tambor de crioula) e do sudeste (jongos, batuques e congados), e já participou de alguns deles. Estudou por conta própria o repertório dos discos gravados por Edu Ribeiro, Kiko Freitas, Marquinho Mendonça (pai), Zé Menezes, Hamilton de Holanda, David Holland, dentre outros.

DUMONT | Folk

O projeto DUMONT começou como uma ideia de Pedro Heise, há aproximadamente 4 meses, com a intenção de escrever músicas como um método de exercício. Logo, as músicas tomaram forma e pararam de ter a finalidade de estudos, tornando-se algo que Pedro aprecia fazer. Influenciado por grandes nomes no mundo folk como Bon Iver, Iron & Wine, Novo Amor, etc., foi criado, então, um álbum de músicas folk, ainda não publicado nas plataformas digitais.

ELIAN FLORES | Sertanejo/MPB

Aos 21 anos, Elian Flores vem fazendo shows por toda a região Noroeste Paulista. Cantor e compositor, participou do programa The Voice Brasil, da Rede Globo, e de edições anteriores do Festival Imagine Brazil. Começou a cantar aos 5 anos de idade, quando ganhou seu primeiro violão de seu grande incentivador e finado pai.

“O Imagine passou a ser mais do que um festival para mim – é uma escola, uma vivência da onde carregamos experiências pro resto da vida. É um show de apresentações para alegrar e emocionar (muito). Pisar neste palco faz passar um filme na minha cabeça, um misto de saudade e alegria, pois quem fez de tudo para que eu participasse desde o meu primeiro Imagine, foi meu pai. Gratidão!”

GUSTAVO TENES | Instrumental/Jazz/MPB

Gustavo Tenes tem 19 anos e cursa o 3º ano de Bacharelado em Contrabaixo. Filho de trompetista e irmão de baterista, desde os 2 anos teve contato com a música. Aluno do Conservatório Souza Lima, estudou diversos instrumentos, o que contribuiu muito para o seu desenvolvimento musical. Já participou de congressos e eventos nacionais e internacionais. Foi aprovado em primeiro lugar na Faculdade de Música Souza Lima, ganhando uma bolsa integral para custear seu primeiro ano. Após isso, foi o único baixista da edição premiado com a Bolsa do Latin Grammy Cultural Foundation para custear seu segundo ano. Atualmente, desenvolve trabalhos na área de produção musical, ensino musical e performance.

KYTON | Instrumental/Jazz/Forró/MPB

Marco Antônio Men Batista Barbosa tem 17 anos e nasceu na cidade de São Paulo. Seu nome artístico é Kyton, dado pelo seu pai, criado a partir da junção do diminutivo Marco de Kiko (Ky), e Ton, de Antônio. Musicista e compositor, foi criado em uma família musical, e desde criança esteve em contato com vários instrumentos. Possui um gênero bem eclético, tocando de Forró à Jazz, entre outros. Vem mostrando o interesse cada vez maior pelo segmento da música e pela produção musical, atuando como colaborador na Produtora Mceys PRO. Toca violão, bateria, percussão, e atualmente está estudando o 2° ano de Acordeão com o Professor Toninho Ferragutti, e o 1° Ano de Piano com a Professora Celinha Carmona, pela Escola de Música do Estado de São Paulo – EMESP Tom Jobim, antiga ULM.

LUNA MARIA | MPB

Cantora desde os 8 anos de idade, Luna Maria sempre cantou músicas do estilo MPB e POP, e participou de diversos concursos musicais como o The Voice Kids, Imagine Brazil, Virada Paulista, Estação Cultural, e etc. Fez sua primeira composição aos 10 anos e atualmente soma mais de 60 músicas autorais. Toca violão, piano e ukelele como instrumento de apoio para shows.

PEDRO BARRA | Instrumental/MPB

O violonista Pedro Floriano Camargo Santos, conhecido popularmente como Pedro Barra, começou seus estudos de violão clássico no Conservatório Dramático e Musical “Dr. Carlos de Campos” de Tatuí- SP, em 2013, com 11 anos de idade, tendo como professores Adriano Paes, Márcia Braga e Edson Lopes. Em 2018, conquistou o 1° lugar no X Prêmio Incentivo à Música de Câmara do Conservatório de Tatuí, ano em que passou a ser integrante da Camerata de Violões do Conservatório de Tatuí. Em dezembro de 2021, formou-se no curso de Licenciatura em Música pela Universidade de Sorocaba (Uniso). Atualmente, atua como professor de violão particular em sua residência, desde janeiro de 2020, e cursa pós-graduação em Educação Musical pela Faculdade Campos Elíseos (FCE).

QUARTETO MANGAIO | Instrumental/Jazz e MPB

O Quarteto Mangaio formou-se após a pandemia, quando os integrantes se encontraram na volta das aulas presenciais do Conservatório de Tatuí. Após um breve contato musical em aulas e jam sessions, decidiram formar o quarteto para explorar novas e “jovens” sonoridades da música instrumental improvisada. Como pesquisa, começaram a compor e tocar versões de standards de jazz e da música brasileira.

STEFANY LIMA | Gospel/Romântica

Stefany Lima tem 16 anos e mora em Caucaia, Ceará. Desde muito cedo, por influência de seus pais, que são envolvidos com música gospel, se interessou pela música e por instrumentos musicais. Participou de várias apresentações religiosas, em festivais de escolas, e atualmente participa como solista da camerata Heitor Villa-Lobos, orquestra oficial do Theatro José de Alencar em Fortaleza- CE.

Final Imagine Brazil 2022
Quando: 03 de julho, domingo
Onde: Teatro Procópio Ferreira – Conservatório de Tatuí – Tatuí/SP
Horário: a partir das 18h
Entrada gratuita

MOVE 2022 – Divulgação de candidatos(as) selecionados(as)

SELECIONADOS(AS) MOVE 2022

Selecionados MOVE 2022
Malawi
Polyana Nátaly de SouzaViolino
Thauane de Oliveira MachadoFlauta
Moçambique
Helen Quintanares SiqueiraVioloncelo e Voz
Matheus Mattos de Souza e SilvaViolão clássico e popular
Noruega
Andresa Ramos de AssisSaxofone, percussão
Mariana Veiga ZanonViola/violino
Curso preparatório na África do Sul: agosto de 2022
Início do intercâmbio: setembro de 2022
Detalhes sobre a viagem serão informados diretamente pela equipe gestora

Ethno Brazil 2022 – Lista de selecionados

Confira a lista de selecionados do Ethno Brazil 2022:

NomeNacionalidade
Adam Nicolás Bustios JaraChile
Anibal Da Costa CelestinoMoçambique
Cristóbal CerdaChile
Daniel Romero Alfaro de Miranda – mentor júniorBrasil
Daroon Rwnd OthmanIraque
Ester Moseis MacuacuaMoçambique
Guilherme dos SantosBrasil
Iago Tojal AraújoBrasil
Igor Santos de Jesus SantosBrasil
Juliana Saemi MurakamiBrasil
Kayk Isaque da Silva FerreiraBrasil
Kesia Pessoa CordeiroBrasil
Leandro Alexandre Venâncio de AlmeidaBrasil
Leonardo Venancio CappiBrasil
Louise Calzada – mentora júniorFrança
Luana Paula Carvalho DuarteBrasil
Luca D AlessandroBrasil
Meliely Francine SousaBrasil
Michael Yuri Saito de CamargoBrasil
Romain Valentino – MobilityFrança/Itália
Saheb SaraArgélia
Tainara da SilvaBrasil
Te Amohare – MobilityNova Zelândia
Thayná Aline Bonacorsi XavierBrasil
Vinícius Sano de AraujoBrasil
Yousef Muzahem SaifPalestina

Cronograma:

  • 01 a 11/08/2022 | Imersão na Fazenda da Serrinha (Bragança Paulista, São Paulo, Brasil): participantes se hospedam/dormem e ficam todo o tempo dedicados ao projeto, realizando ensaios, oficinas, jam sessions, etc;
  • 10/08/2022 | Espetáculo em Bragança Paulista – SP;
  • 11/08/2022 | Espetáculo em Tatuí – SP;
  • 12/08/2022 | Espetáculo em São Paulo – SP;
  • 13/08/2022 | Gravação de áudio em estúdio (São Paulo – SP);
  • 14/08/2022 | Retorno às cidades/países de origem.

Mais detalhes sobre o festival e a viagem serão informados por e-mail e WhatsApp pela equipe Ethno Brazil.

MOVE 2022 – Divulgação de candidatos(as) pré-selecionados(as)

PRÉ-SELECIONADOS(AS) MOVE 2022

  • Segunda fase:

Elaborar e enviar as tarefas-testes que serão solicitadas por e-mail/WhatsApp no dia 06/06: envio para o e-mail duvidasmove@sustenidos.org.br até 13/6.

  • Terceira fase:

Atividades em grupo e entrevistas individuais, a serem realizadas na sede da Sustenidos, em São Paulo, previstas para os dias 16 e 17 de junho (feriado Corpus Christi): detalhes serão informados por e-mail/WhatsApp

Pré-selecionados(as):

NOMEIDADECIDADE
Ana Laura da Silva Souza18Tatuí – SP
Andresa Ramos de Assis24Tatuí – SP
Diego Henrique Lozano24Tatuí – SP
Helen Quintanares Siqueira25Sorocaba – SP
Luã Augusto Lopes Oliveira25Franca – SP
Mariana Veiga Zanon22Tatuí – SP
Matheus Mattos de Souza e Silva21Cachoeira Paulista – SP
Natália Nicolaci Kuwahara25São Paulo – SP
Polyana Nátaly de Souza21Sorocaba – SP
Thauane de Oliveira Machado21Piracicaba – SP

Imagine Brazil 2022: Inscrições Prorrogadas

Foram prorrogadas até 20 de maio de 2022 as inscrições para participar do Imagine Brazil 2022, competição voltada para jovens músicos e que contempla todos os gêneros musicais.

Programada para acontecer em julho, no Conservatório de Tatuí, a final, que terá o rapper Max BO como mestre de cerimônia, escolherá o vencedor que representará o Brasil na final mundial do festival, na Europa.

Saiba mais e inscreva-se.